Cerimônia

Com os pés na areia: Casamento na Praia

Casar na praia é o sonho de muitos casais. Ter como pano de fundo a paisagem completamente natural nas lembranças do grande dia faz brilhar os olhos de quem sonha com uma ceminônia perfeita nos mínimos detalhes. O céu aberto, o som do mar como trilha sonora, a textura da areia, a bela vista e o clima típico são ingredientes que fazem muitos casais voarem alto. Porém, para que tudo ocorra como sonhado é necessário muito planejamento e organização.

Resultado de imagem para casamento na praia

 

Em celebrações nesse estilo, é comum que o convidado de honra fique a frente do altar da cerimônia e apareça como peça principal chamando mais atenção que os noivos. E quem é ele? O mar! Azul, verde e até mais escuro, ele proporciona lindas fotos e uma cena inesquecível. Mas calma aí! Casar na praia com aquele “marão” nem sempre é fácil e exige em muitos casos uma autorização da prefeitura local. Algumas praias possuem trechos reservados a hotéis e restaurantes e algumas já costumam ter o alvará necessário para a organização de eventos no local. Então fique bem atento a isso na hora de escolher determinada praia para realizar sua cerimônia.

As condições climáticas devem ser revistas com atenção antes de marcar a data. Chuva, maré alta e vento forte são capazes de estragar aquele lindo dia e proporcionar situações desagradáveis aos noivos e convidados. Então, procure conhecer bem o clima da região ao qual vocês desejam se casar mas sempre tenha um plano B, como espaços cobertos em pousadas e hotéis, caso seja necessário.

Ter uma assessoria especializada no dia faz uma grande diferença. Hoje, já existem profissionais que atuam apenas com casamentos na praia e estão preparados para resolver as intercorrências que vierem ocorrer durante a organização e a realização da cerimônia. Então, opte por contratar uma assessoria que já possui experiência em casamentos praianos.

A decoração do casamento beira a mar é composta em sua maioria pela natureza! Mas é claro que podemos complementa-la. Por ser um estilo de casamento mais simples e despojado, pequenos arranjos de flores e um arco representando o altar já garante uma ornamentação delicada e bonita.O caminho até o altar pode ser representado por passarelas com panos leves e esteiras ou até conchas e estrelas do mar. Para os convidados, bancos e cadeiras mais simples de madeira ou até mesmo as velhas almofadas no chão, deixam o cenário encantador.

Imagem relacionada

Os casamentos praianos são cerimônias mais intimistas, sendo assim, há poucos convidados. O objetivo é fazer um evento para quem é mais próximo do casal. Lembre-se então de sempre de conferir, com antecedencia, a disponibilizade de vagas nos hoteis e pousadas da região para seus convidados. É bem provável que a maioria não more no litoral. Por essa razão, priorise espaços que tenham opções de hospedagem. Aqui, vai uma dica: não é esperado que os noivos paguem pelas acomodações dos convidados (deixe isso bem claro para eles), mas é importante recomendar locais para que eles se hospedem.

A época do ano para a realização da cerimônia é algo extremamente importante a ser escolhido. O periodo de alto verão, ou seja, entre dezembro e fevereiro são épocas a serem evitadas visto que há um aumento no número de frequentadores do local, maiores valores de hospedagem e fornecedores além de maior trânsito. Lembre-se sempre: a praia é publica e poderá sim haver pessoas não convidadas no local. Então faça a opção por épocas do ano onde o número de turistas é menor.

O casamento praiano é o fácil dificil, mas seguindo todos as dicas e recomendações se sairá como qualquer outro, porém com um diferencial: a experiência única ao lado de quem se ama em um cenário paradisíaco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *